quarta-feira, 10 de outubro de 2012

...




O meu Gato Gaspar morreu há pouco. Bem gosto de acreditar que agora é uma estrelinha no céu e que estará num paraíso dos felinos, onde aparecem latinhas gourmet e peitos de frango desfiados todos os dias para o jantar. Gosto de acreditar nessas coisas, que se contam  às crianças eu sei,  numa tentativa desesperada de atenuar um sentimento de perda que é tremendo, de quem cria um ser vivo com todo o carinho, de quem se ri com as suas graças e tropelias e depois num ingrato dia, é obrigada a tomar uma decisão tão filha da puta como esta que tivemos de tomar hoje. O Gaspar era um gatinho novo, acabado de fazer dois anos, por isso hoje estou esmagada pela percepção dos anos de companhia que me foram ceifados. A dor é tão grande  como o amor que ele nos deu e claro, não faz sentido que seja de outra forma.

18 comentários:

Limited Edition disse...

lamento imenso... :(

Isa disse...

Grande, grande abraço, R.

CarlaB disse...

Lamento :(

CarlaB disse...

Lamento!

Anita Garcia disse...

:( receava que o silêncio resultasse nisto :(
Sinto muito a partida do teu Gaspar... é muito doloroso quando eles partem.
Beijinho*

Ruiva disse...

Lamento imenso! Sei que ainda é cedo e deve fazer o luto, mas por muito que seja difícil, pense em homenagear o seu amigo e traga um outro amigo para casa, um de uma associação de proteção animal ou de um gatil...Seguramente ajudará a atenuar a dor e dár-lhe-à um novo motivo para sorrir!

Força

Miss Audrey disse...

Adeus Gaspar! Se encontrares o meu Yuri e a minha Ruca manda-lhes um beijinho meu com muitas saudades. À dona do Gaspar um abraço apertadinho de quem sabe o quanto custa perder um amigo, um quase filho.

Martine disse...

E quem sabe... Talvez ele seja mesmo uma estrela no céu e está agora num paraíso de felinos

(um abraço)

Izzie disse...

:( um abracinho muito apertado

Isa disse...

com certeza está no céu dos gatíneos, com certeza.
Bjo, sua linda.

RBM disse...

deve estar o mau gatarrão lindo e meigo.

Mariam disse...

Que pena... o Gaspar era muito parecido com uma das minhas gatas (tenho duas), mas a minha é má, só que eu amo-a na mesma. Nem quero imaginar quando for a vez dela, quanto mais da que é meiguinha como era o teu...

Muitos beijinhos. Coragem para os próximos tempos.

Márcia disse...

Que pena...lamento muito a tua perda. Um abraço bem apertado.

Sara disse...

Beijo grande, grande querida. <3 <3 <3

Pinky disse...

Ohhhh... que tristeza... custa tanto... :(((

Kitty * disse...

Sei o que estás a sentir. Mando-te um abraço apertado... O Gaspar agora está no Céu a fazer companhia às minhas gatinhas. Estão todos a perseguir borboletas, depois vão comer lainhas gourmet, beber água de uma fonte e fazer ron-ron todos juntos :)

Fuschia disse...

Lamento. Estará contentinho de certeza num novo lar :)

Lia disse...

E eu aqui, amante confessa de felinos, choro a ler estas coisas :'( porque sei o que me vai doer no dia em que acontecer o mesmo aqui por casa...