sexta-feira, 13 de julho de 2012

....





Deixei-me de festivais há muito tempo, por falta de paciência e por sentir que no fundo já nada justificava a sujeitação a horas e horas numa grande concentração de gente estúpida por m2. E a verdade é que eu, que me iniciei nas lides festivaleiras com uma certa precocidade, que vi tudo e mais alguma coisa que havia para ver, nos últimos dois/três anos deixei que me passasse ao lado esta parte da silly season. Mas este ano o Optimus Alive conseguiu fazer a proeza da sua primeira edição - aquela em que os infelizmente desaparecidos White Stripes foram maravilhosos antes de uns Smashing Pumpkins já aldrabados mas ainda não deprimentes, dos Beasties Boys na mesma noite em que me apaixonei, no palco secundário, por um Paulo Furtado em tronco nu a andar por uma plateia que lhe abria o caminho, tal moisés e o mar vermelho. Este ano, toda podre, vou aos três dias, e se sobreviver só quero conselhos para não cheirar a álcool na segunda-feira, na audiência em tribunal que tenho marcada para as 9 da manhã.

4 comentários:

Isa disse...

tb vou, mas sábado :D

RBM disse...

bora beber uma imperial pah! eu reconheço-te pelos all stars :D

Isa disse...

:D boa! vou levá-los :D

Anónimo disse...

*sujeição.