terça-feira, 4 de outubro de 2011

Amor-Próprio

Ao ver as figuras alheias devemos retirar notas para nós próprios. Não há nada mais triste que aquelas mulheres pedinchonas que não percebem que com aquele gajo não vale a pena insistir ( e homens a mulheres, o vice-versa também se aplica é só mais comum ver o género feminino nestas figuras desesperadas, infelizmente).

2 comentários:

Isa disse...

é deprimente. de ambos os lados...

Sara disse...

Very much true. Já sabes que estás mais que autorizada a dar-me o famoso tiro na rótula (ou com a bigorna na cabeça, o que estiver mais à mão) se me vires a fazer tal figura.