quarta-feira, 15 de junho de 2011

A sério, só me gozam

Com muito custo e após muita chantagem emocional da minha progenitora decidi ir visitar hoje, ao fim da tarde, a minha avó de 80 anos que após uma aparatosa queda em casa, encontra-se a recuperar numa clínica geriátrica. A sua companheira de quarto, uma velhota energética e palrante cheia de Alzheimer simpatiza automaticamente comigo - em parte, desconfio eu, por causa da caixinha de sortido húngaro que levei. Depois de me mirar e de ajeitar repetidamente a minha blusa diz-me "És mesmo bonita. Quando é que me mostras as fotografias do teu casamento?".

Sem comentários: